HomeArticulistasO paradigma das frases sem sentido

O paradigma das frases sem sentido

Olá, pessoa! Paradigma. Quem nunca ouviu falar nessa palavra?

Tão rechaçada por mentores, pretensos gurus e treinadores, parece se referir apenas a comportamentos repetidos ou para modelar algumas desculpas.

Mas, você já parou para pensar no quanto uma frase-paradigma pode ter efeito na sua ação ou na sua não-ação? E você sabia que pode fazer uso dela até sem saber? Neste artigo, vou citar apenas algumas para puxar o novelo da sua memória:

“Segunda-feira eu começo”: sempre que se tem um regime ou uma dieta para se fazer, esta é a preferida. Quem nunca recorreu a ela?

“Ano que vem eu faço”: para se referir a algo que a pessoa sabe que necessita, mas ainda inventa uma desculpa para falar que não dá para realizar naquele momento. Os anos passam e ela acaba não fazendo o que quer que seja.

“Vamos marcar”: Vamos marcar de fazer um churrasco, vamos marcar de almoçar, vamos marcar um café. E a palavra ‘vamos’ serve para dar esperança, aumentar a expectativa de quem a ouve e no fundo, não denota nenhuma ação e acaba por virar uma adiamento (ou se preferir, procrastinação).

“Se precisar de algo é só me chamar”: esta é perigosíssima, pois coloca o outro praticamente na sua mão. Você se mostra o resolvedor, o solucionador de problemas. Só que, na hora que é procurado, inventa um argumento qualquer, pula fora e, na despedida, lança a frase novamente.

“Te desejo boa sorte”: talvez não exista frase pior. Ao ouvir isto, dá-se a impressão que no plano material não há nada mais a se fazer e o jeito é apelar para o cosmos.

(Note que a atendente da casa lotérica deseja boa sorte para todo mundo. Por aí percebe-se que a frase não significa coisa alguma na prática). Você costuma se mover por frase-paradigma?

Se sim, fica a dica:

Antes de dizê-la, reflita se ela combina exatamente com aquilo que você deseja para o momento, pois, assim como um comportamento padrão não te traz resultados positivos, estas expressões têm o mesmo efeito improdutivo.

Pense nisso. É isso.




Comentários
})(jQuery)