HomeGeralJundiaí esta entre as melhores escolas médicas

Jundiaí esta entre as melhores escolas médicas

Pelo 5º ano consecutivo a Faculdade de Medicina de Jundiaí (FMJ) participou do exame e esta entre as escolas médicas paulistas com melhor desempenho no Exame do CREMESP 2018. A 14ª edição do Exame contou com 3.174 participantes do Estado de São Paulo e 731 de instituições de fora, ou seja, ao todo 3.905 alunos do 6º ano e recém graduados fizeram a prova do Cremesp em 2018. Segundo o diretor da FMJ, Dr. Edmir Américo Lourenço, o resultado alcançado se deve ao esforço coletivo que reflete a qualidade do curso e o empenho de alunos, funcionários e professores.

O Exame do Cremesp foi realizado no dia 19 de agosto de 2018 e composta por 120 questões de múltipla escolha, a prova – com duração de até cinco horas – abrangeu as seguintes áreas: Clínica Médica, Clínica Cirúrgica, Pediatria, Ginecologia, Obstetrícia, Saúde Pública, Epidemiologia, Saúde Mental, Bioética e Ciências Básicas. Para ser aprovado, o candidato deveria responder corretamente 72 questões, o que corresponde a um percentual de acertos de 60%.

Ainda sobre a prova, as notas individuais são encaminhadas confidencialmente a cada um dos participantes. O propósito do Cremesp é fornecer subsídios para o aprimoramento dos cursos avaliados e da formação médica, visando a adequada assistência de saúde à sociedade.

A partir de 2015, a participação no Exame do Cremesp passou a ser critério para acesso a importantes programas de Residência Médica (RM) e, também, para participação em concursos públicos nos âmbitos estadual e municipal.

Das 59 escolas médicas em atividade no Estado de São Paulo em 2018, 37 foram avaliadas no Exame – as demais, abertas há menos de seis anos, ainda não haviam formado turmas à época do Exame.

Os resultados do Exame do Cremesp podem contribuir para o debate sobre a qualidade da formação médica, sobretudo, quando existe um grande número de escolas em funcionamento no Estado. De 2013 a setembro de 2018, foram criados no País 119 novos cursos, 85 privados e 34 públicos. No Brasil, já são 321 escolas médicas.




Comentários
})(jQuery)