HomeGeralMeio AmbienteVigilância Sanitária recolhe caramujos africanos no Brumado

Vigilância Sanitária recolhe caramujos africanos no Brumado

Equipes da Vigilância Sanitária de Morungaba lançaram alerta à população sobre a presença de caramujos africanos na cidade. Na semana passada, as mesmas equipes fizeram coleta dos caramujos perto da Igreja São Judas Tadeu, no bairro do Brumado.

Leia também: Em duas semanas, Hospital da Criança já fez sete cirurgias

Os caramujos africanos são nocivos ao homem, pois podem possuir meningite eosinofílica – um parasita que o caramujo contrai ao comer fezes de roedores contaminadas. Quando se movem, liberam um muco contaminado, que pode infectar humanos por meio de frutas, legumes e verduras mal lavados. Em caso de encontro desses caramujos, a população deve avisar a Vigilância pelo telefone 4014-4617.

Como lidar com a situação:

  • Nunca comer os caramujos capturados, nem criá-los
  • Para capturá-los, usar luvas ou sacos plásticos
  • Melhor horário para capturá-los e final de tarde ou em dias nublados e chuvosos
  • Para destruí-los, colocar os caramujos num balde com água e sal. Depois de mortos, devem ter a concha quebrada; em seguida, enterrar ou colocar no lixo
  • Os ovos do caramujo são pequenos e de cor clara, e duros. Precisam ser destruídos em água fervente e depois colocados no lixo.
  • Antes de consumir hortaliças, as mesmas devem ser bem lavadas em desinfetadas em solução com cloro
  • Evitar acumular lixo em quintais, jardins e terrenos



Comentários