HomeCidadesFranco da RochaBairros de Franco da Rocha são contemplados com Cartão Reforma

Bairros de Franco da Rocha são contemplados com Cartão Reforma

Franco da Rocha foi um dos nove municípios contemplados com o Cartão Reforma, do Governo Federal, que vai beneficiar 120 residências localizadas nos bairros da Vila Lanfranchi e Monte Verde. Esse cartão permite que as famílias de baixa renda realizem alguns serviços na moradia, como construção de um quarto, do primeiro banheiro, reforma no telhado e conclusão do acabamento de uma obra ou solução de problemas no esgoto, hidráulica e elétrica.

Para ter acesso ao beneficio (que não é um financiamento), o munícipe residente em um desses dois bairros, que atendam aos critérios estabelecidos (confira abaixo), devem realizar um cadastro na Secretaria de Infraestrutura e Habitação, localizada na Rodovia Prefeito Luiz Salomão Chamma, 1831, de segunda a sábado, das 9h às 16h, até o dia 1º de março.

Os interessados devem levar documento de identificação com foto, comprovante de renda (seu e dos moradores permanentes), documento de propriedade ou posse do imóvel e comprovante de residência. (Confira no item anexos, à esquerda, os documentos aceitos). As ruas contempladas você pode conferir aqui.

Com o Cartão Reforma, a intenção é de melhorar as condições de moradias das famílias de baixa renda por meio da concessão de subsídio para compra de materiais de construção. Nesse sentido, o Programa vai possibilitar a reforma, ampliação ou conclusão das unidades habitacionais. O benefício é subsidiado, ou seja, não configura financiamento e nem prestação. Cabe ao beneficiário custear apenas a mão de obra, equipamentos e
ferramentas necessários para a execução do serviço.

Confira abaixo os critérios para participar do programa:

  • Pessoas com renda familiar bruta de até R$2.811,00, possuir um único imóvel, em todo o território nacional e residir nele
  • Ser maior de 18 anos ou emancipado
  • Ser proprietário, possuidor ou detentor de imóvel residencial em área indicada pelo município e aprovada pelo Ministério das Cidades
  • Fornecer mão de obra, equipamentos e ferramentas para a execução dos serviços
  • Possuir celular habilitado para receber SMS

É importante destacar quem NÃO podem ter acesso ao programa:

  • Famílias residentes em imóveis alugados ou cedidos
  • Imóveis exclusivamente comerciais
  • Imóveis com precariedade extrema (taipa não revestida, madeira aproveitada, palha)
  • Imóvel em conflito fundiário
  • Imóveis em áreas não passíveis de regularização, como áreas de risco
  • Imóvel que tenha recebido subvenção habitacional da União nos últimos dez anos (incluso PMCMV), conforme Art. 1°, § 4° Lei n° 13.439/17.



Comentários
})(jQuery)