HomeArticulistasBeatriz DiasSíndrome de Peter Pan

Preciso crescer. Parar de depender dos alheios e passar a depender de mim, só a mim.

Sempre tive medo de crescer, de todas as mudanças que isso acarretaria, as responsabilidades, o trabalho, o medo. Quando eu crescesse não teria mais ninguém pra marcar minhas consultas no médico, que agora não é mais pediatra. Não haveria uma mão pra eu segurar e atravessar a rua. Ninguém me lembraria de levar a blusa, o guarda chuva ou as chaves.

“Volta antes das 22”, “não fica no sereno”, “não converse com estranhos”. Tudo tão contraditório e ninguém pra lembrar a gente das consequências. Somos grandinhos o suficiente para isso, devemos saber delas.

Meu medo era ter síndrome de Peter Pan. Até parecia que eu tinha. Eu tinha medo dessas coisas. Ainda tenho. Mas hoje entendi que a necessidade de ser independente é bem maior do que o conforto do sofá da casa de nossos pais.

Por Beatriz Dias

Comentários