HomeCidadesCampo Limpo PaulistaCom reestruturação, CAPS amplia atendimento em 30%

Com reestruturação, CAPS amplia atendimento em 30%

Integração, socialização e convivência. Esses são três dos principais pontos trabalhados pelo Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), em Campo Limpo Paulista, após a reestruturação realizada pela Secretaria de Saúde. O espaço recebeu a visita do prefeito dr. Japim de Andrade e do secretário de Saúde, Luiz Ângelo Zanoti, nesta quarta-feira (17).

O CAPS conta com diversas oficinas para os assistidos, como artes; ‘Masterchef’; beleza; ‘Florescer’ em parceria com a Secretaria de Educação, no Viveiro Municipal; caminhada, em parceria com a Secretaria de Esportes; além de grupos terapêuticos com psicóloga, assistente social, terapia ocupacional e enfermeira. Há ainda atendimento individual e em grupos, com psicoterapia e apoio para quem tem dependência em álcool e drogas. “Fazemos aqui um trabalho para que as pessoas não fiquem excluídas. As atividades têm como foco a reintegração”, esclareceu a coordenadora do serviço, Cristiane Gomes de Mello.

O trabalho é focado na convivência e há grupos dos quais até as famílias dos pacientes participam. “Após a reestruturação do serviço, notamos que houve um aumento nos atendimentos. A ideia é atender mais e melhor, lembrando sempre que o foco do trabalho é a qualidade de vida dos pacientes, com psicoterapia e menos medicamentos”, comentou o prefeito dr. Japim Andrade.

Só em 2017, o CAPS fez mais de 10 mil atendimentos. “Nos últimos três meses, a demanda aumentou em cerca de 30%. As mudanças eram uma demanda antiga e não medimos esforços para que o atendimento fosse renovado, já que nossa demanda para o serviço é grande no município”, esclareceu o secretário de Saúde.




Comentários
})(jQuery)