HomeGeralBrasilOnda de sequestros de crianças para venda de órgãos é boato

Onda de sequestros de crianças para venda de órgãos é boato

Secretaria de Segurança Pública esclarece que mensagens e posts divulgados recentemente são falsos

A onda de sequestros de crianças que vem sendo denunciadas nas redes sociais ou em mensagens de áudio do WhatsApp é puro boato. Quem desmente as informações que circulam e causam pânico em São Paulo é Secretaria de Segurança Pública: “Não há onda de sequestros de crianças no Estado de São Paulo e não há nenhum registro deste tipo de crime”, afirmou a polícia para a Folha de S. Paulo.

As mensagens seguem um padrão: são supostamente escritas ou faladas por mães, motoristas de transporte escolar ou agentes de investigação de algum órgão não identificado. O conteúdo atesta que o PCC estaria demandando órgãos de crianças de 1 até 5 anos de idade. Essas informações, reforça a secretaria paulistana, são falsas.

Além dos áudios e dos posts, a polícia esclarece ainda que duas fotos andam circulando e causando pânico também não são verdadeiras. A primeira traz dezenas de crianças mortas em um caminhão, em uma estrada em Guaruhos. O veículo teria sido parado em um bloqueio da polícia. A segunda imagem mostra um casal de supostos sequestradores de crianças para vender órgãos.




Comentários
})(jQuery)