HomeJundiaíEmoção marca entrega da Ponte Torta

Emoção marca entrega da Ponte Torta

Emoção não faltou na entrega da revitalização da Ponte Torta na noite do domingo (13). A população lotou a recém-denominada Praça Erazê Martinho para acompanhar a festa, que marcou o aniversário de 360 anos de Jundiaí. O prefeito Pedro Bigardi, acompanhado da primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Margarete Geraldo Bigardi, e da filha Patrícia Bigardi, não escondeu a felicidade ao falar do trabalho de conservação e zeladoria.
“A recuperação da Ponte Torta não aconteceu apenas pelo fato dela ser um monumento, que tem seu papel histórico e paisagístico. Essa revitalização significa a relação do jundiaiense com o município, com a história, com o presente e futuro. É a preservação de valores e da relação que todos nós temos com a cidade”, afirmou Bigardi, que cresceu na região do Vianelo.
Pedro lembrou que nesse aniversário, Jundiaí ganhou diversas obras que já foram entregues, como a ponte que liga o Jardim Tulipas ao Novo Horizonte, o Parque do Engordadouro, a Cidade Administrativa, entre outras. Nesta semana, as celebrações continuam com a entrega do Bosque do Morada das Vinhas. “Nunca se fez tanto em tão pouco tempo. A cidade precisa dessas obras tanto quanto necessita ser humanizada. Estamos avançando”, diz Bigardi.
Nos olhos de cada cidadão presente no evento, foi possível notar o amor pela Ponte e por Jundiaí. “Eu atravessava a ponte para ir ao Gandra quando criança. É uma lembrança de vida, da infância. Esse lugar é muito importante para nós”, disse a moradora da região, Solange Fessaldi Alexandre, uma das criadoras do carnavalesco Bloco da Ponte Torta, que celebra no próximo Carnaval quatro anos de história.
Também membro do Bloco, José Dorival Alexandre, o Dori, falou da alegria por conta da restauração. “É a preservação da cultura e da história da cidade”, disse. O ex-vereador Antônio Galdino fez questão de comparecer e não escondeu a emoção. “Sempre passei por aqui. Quando vereador eu falava da importância dessa ponte. É um monumento histórico que merece ser lembrado”.




Comentários
})(jQuery)